Uncategorized

Resenha: A vez da minha vida




Título: A vez da minha vida – E se você tivesse a chance de 

mudar a sua vida?

Autora: Cecelia Ahern

Editora: Novo Conceito

N° de páginas: 383

Ano de lançamento: 2012




Sinopse: Certo dia, quando Lucy Silchester volta do trabalho, há um envelope de ouro no tapete. E um convite dentro dele para se encontrar com a Vida. Sua vida. Pode soar peculiar, mas Lucy leu sobre isso em uma revista. De qualquer forma, ela não pode ir ao encontro: está muito ocupada desprezando seu emprego, fugindo de seus amigos e evitando sua família. Mas a vida de Lucy não é o que parece. Algumas das escolhas que fez — e histórias que contou — também não são o que parecem. Desde o momento em que ela conhece o homem que se apresenta como sua vida, suas meias-verdades são reveladas totalmente — a não ser que ela aprenda a dizer a verdade sobre o que realmente importa. Lucy Silchester tem um compromisso com sua vida — e ela terá de cumpri-lo.

   

Lucy Silchester foi ignorando sua vida até que um dia recebe uma carta a convocando para um encontro com a sua Vida. Ela ignorou esse convite, mas outros e outros apareceram e ela finalmente foi ao encontro de Vida. Chegando ao encontro, Lucy decide que vai continuar ignorando sua vida e vivendo em sua teia de mentiras, mas ai acontece um incidente e ela percebe que não pode mais ignorar sua vida, que querendo ou não vai ter que conviver com ela.
O foco principal é Lucy e sua Vida, mas a trama se desenvolve de forma que cada personagem acaba exercendo um papel na busca de Lucy pela sua ‘cura’, ela criou ao redor de si uma trama de mentira, de forma que revelar uma pequena verdade levaria a ter que revelar outras verdades maiores e isso a colocaria em encrenca e é para tentar a tirar dessa trama que sua Vida aparece, ele (sim, por mais estranho que pareça, a Vida dela é uma pessoa e essa pessoa é um homem) precisa ajudar a Lucy a encontrar uma maneira de se reconstruir, de se livrar de todas as suas mentiras e renascer, essa tarefa aparentemente fácil acabando levando o leitor a dar várias risadas, chorar e repensar sobre sua vida, já a que leva a Lucy fica a cargo de você que está lendo essa resenha descobrir.

– Como estou te usando? Como você acha que a vida acontece? Uma série de coincidências e ocorrências tem que acontecer de alguma forma. Todas as nossas vidas se chocam e se batem de frete e você acha que não há nenhuma razão ou rima para isso? Se não houvesse qualquer razão para isso tudo, qual seria o ponto? Por que você acha que as coisas acontecem afinal? Há resultado, repercussões e ocorrências para todos que conhece e tudo o que você diz. Pág: 139.

Cheio de humor e emoção A vez da minha vida mostra mais uma vez a grande escritora que Cecelia Ahern é em uma mesma trama ela consegue nos levar das gargalhadas as lágrimas, mescla a estória de Lucy e outras estórias secundárias de forma que você precisa ler a próxima página para saber o que vai acontecer com cada um dos personagens, você ama com eles, você sente raiva com eles, você os ama, você os odeia, sente vontade de entrar no livro e lhes apontar a verdade.
Eu recomendo a leitura de A vez da minha vida para todos aqueles a procura de uma história sobre descobertas interiores, mas de uma forma bem humorada e com toques levemente clichês, porque afinal o amor é um sentimento clichê e amor é algo que tem aos montes nessa deliciosa aventura em busca de si que Lucy vive.
Então pessoal é isso que tenho para falar para vocês hoje. Mas antes de ir, três pequenas perguntas alguém já leu? Pretende ler? Gostaram da resenha?
Beijos,

Tha.
Jaira Costa

Jaira Costa

Apaixonada por livros, ama música, chocólatra, viciada em séries. Calada, hiperativa, sincera, cheia de idéias na cabeça e com pouco tempo pra colocar elas no papel. Publicitária, futura escritora (escrevendo pra chegar ser uma de verdade). O resto você descobre aqui no blog.

Post anterior

Meus Versos # 32

Próximo post

Resenha: Cinquenta Tons de Cinza

8 Comments

  1. dezembro 6, 2012 at 2:14 pm — Responder

    Pretendo lê-lo em breve.

    Li algumas resenhas e foram negativas, acharam o livro lento. Cada pessoa tem uma percepção não é mesmo?

    Bjo.

  2. Anonymous
    dezembro 8, 2012 at 1:00 am — Responder

    Thalita, cadê o resultado do Top Comentarista de Dezembro???

    • dezembro 8, 2012 at 1:44 am — Responder

      Oi,

      Eu acho que você esta falando do Top de Novembro,não? Esse vai sair o resultado no fim de semana ou provavelmente na próxima semana, motivo: provas do final do período da faculdade,e trabalho me deixaram sem tempo.

      O top de Dezembro só pode sair resultado quando o mês de dezembro acabar…..

      bjiss

      Jaira Line Costa

  3. dezembro 9, 2012 at 1:59 pm — Responder

    Opaaaaaa, Quero muito ler *.*
    Eu adorei P.S Eu te Amo.
    Adorei a resenha
    beijos

  4. dezembro 10, 2012 at 2:27 pm — Responder

    Quero muito ler este livro, por causa da autora.
    Sou encantada com a forma como ela escreveu PS, ela conseguiu me envolver na história.
    Espero que aconteça o mesmo com este livro.

  5. dezembro 13, 2012 at 7:26 pm — Responder

    Já tinha visto esse livro um par de vezes em outros blogs que sigo, mas nunca atentei a história dele, mesmo sempre achando a capa dele muito linda.
    Adorei a resenha, realmente parece ser um história muito fantástica, meio confusa as vezes porque imagina ó de repente a sua vida se apresenta a você como uma pessoa, isso tudo é muito inusitado.
    Esse é sim um livro que pretendo ler e para entender o mundo da Lucy e sua Vida, sem falar que como ele é muito lindo (A Novo Conceito tem caprichado nas capas) que quero ele na minha estante.

  6. dezembro 15, 2012 at 11:00 pm — Responder

    Ainda não li P.S. Eu te amo, da autora, então não posso falar muito do estilo dela. Mas pela sua resenha, “A vez da minha vida” parece ser um livro bem gostoso de ler. Amor é clichê mesmo, não tem muito como fugir. Com pitadas de humor … acho que o livro já me ganhou.

  7. dezembro 31, 2012 at 5:11 am — Responder

    Adorei ler essa resenha, eu comecei a ler o primeiro capitulo desse livro um tempo atrás e não me interessei muito. Mas agora eu me arrependi horrores de não ter continuado, esse livro parece ser lindissimo e muito tocante. O tipo de livro que eu gosto bastante.

em resposta a:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *