Resenhas

Resenha: Branca de Neve Tem Que Morrer – Nele Neuhaus

imagem

imagem

 

Título: Branca de Neve Tem Que Morrer

Subtítulo: Bodenstein & Kirchhoff – Livro 04

Autora: Nele Neuhaus

Ano de lançamento: 2013

Editora: Jangada

N° de páginas: 472

Sinopse: Numa noite chuvosa de novembro, Rita Cramer é empurrada de uma passarela e cai em cima de um carro em movimento. Pia e Bodenstein, da delegacia de homicídios, têm um suspeito: Manfred Wagner. Onze anos antes, a filha de Manfred desaparecera, sem deixar pistas, e um processo baseado em provas circunstanciais condenou Tobias, filho de Rita Cramer, a dez anos de prisão. Logo após cumprir a pena, Tobias retorna à sua cidade natal e, repentinamente, outra garota desaparece. Os acontecimentos do passado parecem repetir-se de maneira funesta. Pia e Bodenstein se deparam com um muro de silêncio. As investigações transformam-se numa corrida contra o tempo, iniciando uma verdadeira caça às bruxas.

RESENHA_

Uma mulher é empurrada da passarela de saída de um trem e caí em cima de um carro em movimento, felizmente ela sobrevive e é levada para o hospital em coma. Pia e Bodenstein, da delegacia de homicídios, são chamados para tentar desvendar esse mistério.

Tobias acaba de sair da prisão, depois de passar 10 anos preso acusado de assassinar duas garotas, sua ex e a namorada na época do crime, e volta a morar com o pai no pequeno vilarejo onde os crimes aconteceram. Ele é filho de Rita.

Pia e Bodenstein começam a investigar a vida de Rita na busca de quem possa ter praticado um ato tão cruel contra a vida dela, em meio as investigações descobrem o caso de Tobias e percebem que ele não foi tão bem investigado assim e se deparam com um enorme problema, como descobrir algo que uma cidade inteira se recusa a revelar? Será Tobias o verdadeiro culpado ou apenas uma peça no maquinário de uma grande farsa?

Eu preciso confessar que comecei a leitura desse livro por causa da capa hahaha, um dia andando em uma livraria com uma amiga me deparei com o livro e fiquei encantada com a diagramação e a arte da capa, elas são realmente lindas, na hora eu não tinha dinheiro para comprar – e agora eu continuo não tendo –, mas um .epub apareceu na minha frente – sim, apareceu, eu não estava procurando juro, ele só apareceu – e quando surgiu um tempinho iniciei a leitura. Li a sinopse antes de começar e achei interessante, mas ela não me preparou para o que eu iria encontrar.

Não sei se fui eu que não consegui me adaptar a forma dos alemães escrever ou se perdi o jeito para livros de suspense, só sei que a leitura não me agradou da forma que eu desejava que agradasse. Não me entendam mal, é um livro interessante, a trama é envolvente, tem uma aura de suspense muito boa e prende o leitor, mas não foi um livro que o meu santo bateu por assim dizer, eu não consigo explicar sem dar spoiler do porque não gostei da obra, basta ficar claro que não foi algo que rolou comigo, mas pode muito bem rolar com alguém.

‘Depois que uma coisa se quebra, não há como consertá-la. É mesmo que seja colada, nunca ficará inteira.’

Apesar de não ter desenvolvido uma boa relação com o livro não posso negar que ele tem alguns pontos fortes, a trama criada pela autora é envolvente, te faz querer mais e te deixa com aquela ponta de suspeita em tudo que todo bom livro de suspense tem que deixar, o ponto que achei mais fraco no livro foi a revisão, mas levando em consideração que não era um .epub licenciado isso pode ser relevado –q.

Minha nota tão baixa é só por não ter me ganhado por completo a história, mas provavelmente qualquer pessoa que ler vai ter uma opinião diferente da minha. Recomendo para quem tem um estômago forte, algumas cenas são bem pesadas e que goste do gênero suspense.

Esse livro é o quarto de uma série, mas não é prejudicial ler ele fora da ordem. A história tem começo, meio e fim, o único ‘problema’ é que alguns detalhes da vida pessoal dos investigadores perdem um ponto de importância, creio que quem acompanha a série vá sentir necessidade deles, mas para quem não conhece/acompanha acabando ficando um pouco solto, mas, torno a repetir, nada que prejudique a trama.

Bom gente por hora é isso, alguém leu? Pretende ler?

Um beijo, até breve \õ .

thalita_oliveira

Jaira Costa

Jaira Costa

Apaixonada por livros, ama música, chocólatra, viciada em séries. Calada, hiperativa, sincera, cheia de idéias na cabeça e com pouco tempo pra colocar elas no papel. Publicitária, futura escritora (escrevendo pra chegar ser uma de verdade). O resto você descobre aqui no blog.

Post anterior

Promoção Entrelinhas Casuais

Próximo post

Resenha: Mar de Rosas - Nora Roberts

3 Comments

  1. maio 22, 2014 at 2:33 pm — Responder

    Também gostei da capa ASUHAUSH não tenho o “estômago forte”, mas vou tentar ler ^^
    Só não gostei pq é uma série…mesmo não prejudicando o entendimento da história eu ia acabar ficando louca para comprar

  2. maio 27, 2014 at 5:53 pm — Responder

    Oi Thalita!

    Eu adoro essa capa, e já tô querendo ler tem um tempinho! Sempre vejo na livraria e fico morrendo de vontade de comprar, mas assim como você, falta o dinheiro hahahah
    Não sabia que ele fazia parte de uma série e que esse é o quarto volume O.o, e o que aconteceu com os outros três? A Jangada não publicou?! Fiquei perdida! =/
    E também não imaginava que seria um livro de suspense hahaha acho que mal conhecia o livro que queria ler! O bom é que a sua resenha me deu uma luz agora ahahahaha
    Mesmo assim ainda quero ler! Já li Stephen King, acho que nada mais vai ser capaz de me surpreender!

    Beijos!

  3. maio 31, 2014 at 4:15 pm — Responder

    Eu não tenho estomago forte, então acho que não vou conseguir lê-lo. XD

em resposta a:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *