ResenhasSuma de Letras

Resenha: A Morte de Sarai – J. A. Redmerski

 

 

unnamed (6)

 

Titulo: A Morte de Sarai

Autora: J.A. Redmerski

Editora: Suma de Letras

Nº de Páginas: 255

Ano de Lançamento: 2015

4

Sinopse: Sarai era uma típica adolescente americana: tinha o sonho de terminar o ensino médio e conseguir uma bolsa em alguma universidade. Mas com apenas 14 anos foi levada pela mãe para viver no México, ao lado de Javier, um poderoso traficante de drogas e mulheres. Ele se apaixonou pela garota e, desde a morte da mãe dela, a mantém em cativeiro. Apesar de não sofrer maus-tratos, Sarai convive com meninas que não têm a mesma sorte. Depois de nove anos trancada ali, no meio do deserto, ela praticamente esqueceu como é ter uma vida normal, mas nunca desistiu da ideia de escapar. Victor é um assassino de aluguel que, como Sarai, conviveu com morte e violência desde novo: foi treinado para matar a sangue frio. Quando ele chega à fortaleza para negociar um serviço, a jovem o vê como sua única oportunidade de fugir. Mas Victor é diferente dos outros homens que Sarai conheceu; parece inútil tentar ameaçá-lo ou seduzi-lo. Em A morte de Sarai, primeiro volume da série Na Companhia de Assassinos, quando as circunstâncias tomam um rumo inesperado, os dois são obrigados a questionar tudo em que pensavam acreditar. Dedicado a ajudar a garota a recuperar sua liberdade, Victor se descobre disposto a arriscar tudo para salvá-la. E Sarai não entende por que sua vontade de ser livre de repente dá lugar ao desejo de se prender àquele homem misterioso para sempre.

RESENHA SEM SPOILERS 

A Morte de Sarai foi um livro que eu solicitei da editora, mas não estava esperando gostar tanto dele. Ainda não tinha lido nada dessa autora e já tinha visto muitas opiniões sobre a escrita dela, todas muito boas. Não deixei isso me influenciar e fui para leitura de cabeça aberta.

No livro vamos conhecer a Sarai, uma jovem que viveu muito anos da sua vida (na verdade boa parte dela) presa com um homem monstruoso, um traficante de drogas e mulheres, que fazia as piores coisas com essas garotas.

P10003571222

 

Só que ai chega o Victor e ele não é príncipe em um cavalo branco que veio para salvar a mocinha. Ele é um assassino de aluguel, um homem que esta acostumado e foi criado para matar (com rapidez, eficiência e crueldade). Eu me apaixonei por ele no primeiro momento hahahaha (sim amo os violões) e ele têm aquela coisa de vilão, gato, mas que não é totalmente um vilão. Fica difícil explicar para vocês sem contar algum spoiler, mas o importante é que ele é BOM.

Como falei antes não tinha nenhuma familiaridade com a escrita da Redmerski e isso acho que foi o que me fez gostar mais do livro. A narrativa é rápida, envolvente. Eu peguei o livro para ler (e pensei) “vou ler só dois capítulos, assim pra vê como é a coisa”, li metade do livro <3.

0214522

 

A Sarai me irritou em algumas partes (todas as mocinhas sempre fazem isso, é normal), o Victor foi uma grata surpresa. O digamos envolvimento deles foi diferente de tudo que já li esses últimos tempos, teve ação, emoção, sangue, drama, sofrimento, perda, crescimento. Acima de tudo achei que teve o amadurecimento da Sarai, o jeito que o livro acabou me fez ficar agoniada para a continuação, não aquele desesperada. Mas aquele pedido que pelo amor de Deus a autora não faça nada com que eu fiquei com raiva dela, e que não destrua tudo que já fez.

 

P1000359

 

Indico A Morte de Sarai para quem gosta de um livro forte, intenso que te faz literalmente sentir o que os personagens sentem e ficar com aquela sensação de estar pretendendo o fôlego, eu fiquei assim em muitas partes do livro. E só quando acabava vi que ficava com o coração na mão.

J.A. Redmerski fez um livro maravilhoso, que te faz suspirar, ficar aflito, com cenas de tirar o fôlego e fazer você ler desesperadamente. Preciso da continuação o quanto antes, pois Victor preciso de você <3

 Beijos para todos.

Fiquem bem.

 

 

 

Jaira Costa

Jaira Costa

Apaixonada por livros, ama música, chocólatra, viciada em séries. Calada, hiperativa, sincera, cheia de idéias na cabeça e com pouco tempo pra colocar elas no papel. Publicitária, futura escritora (escrevendo pra chegar ser uma de verdade). O resto você descobre aqui no blog.

Post anterior

Playlist da Semana: Girls Power

Próximo post

Resenha Dupla: A Aposta e O Desafio - Rachel Van Dyken

2 Comments

  1. abril 17, 2015 at 7:36 pm — Responder

    Oie
    Não conhecia a premissa da historia, achei bem interessante e com vontade de ler. Beijos

    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com/

  2. abril 18, 2015 at 8:41 pm — Responder

    Muito curioso para ler esse livro!

    http://hypeliterario.blogspot.com.br/

em resposta a:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *